Que­ro agra­de­cer to­dos os tra­ba­lha­do­res pe­la con­fi­an­ça de­po­si­ta­da em mim e a to­da di­re­to­ria pe­lo plei­to re­a­li­za­do nos di­as 5 e 6 de se­tem­bro, ele­gen­do a cha­pa úni­ca com mais de 57% dos vo­tos vá­li­dos. Ire­mos pa­ra o sex­to man­da­to con­se­cu­ti­vo à fren­te da en­ti­da­de sin­di­cal.

Con­fes­so que não foi fá­cil, en­fren­ta­mos mui­tas di­fi­cul­da­des e re­sis­tên­ci­as dos maus pa­trões que ten­tam de to­das as for­mas fa­zer do tra­ba­lha­dor uma ma­qui­na. Gra­ças às nos­sas in­ter­ven­ções jun­tos a es­sas em­pre­sas, ga­ran­ti­mos os di­rei­tos da nos­sa Con­ven­ção Co­le­ti­va de Tra­ba­lho que, por sua vez, com mui­to sa­cri­fí­cio, con­se­gui­mos man­ter to­das as cláu­su­las be­né­fi­cas ao tra­ba­lha­dor (a) na úl­ti­ma ne­go­ci­a­ção junho/​2018, co­mo: Va­le com­pras ou Ces­ta de ali­men­tos, As­sis­tên­cia mé­di­ca hos­pi­ta­lar, Au­xí­lio cre­che, en­tre ou­tros.

Te­nho a res­pon­sa­bi­li­da­de de con­ti­nu­ar à lu­ta pa­ra con­clu­são de pro­je­tos ain­da em an­da­men­to co­mo a cons­tru­ção da no­va se­de do SINTERC, on­de te­re­mos um pré­dio ad­mi­nis­tra­ti­vo, sa­lão de fes­tas, co­zi­nha es­co­la (pa­ra qua­li­fi­ca­ção pro­fis­si­o­nal) e um an­fi­te­a­tro, que por si­nal se en­con­tram em es­ta­do avan­ça­do pa­ra con­clu­são. Tu­do is­so gra­ças à co­la­bo­ra­ção de to­dos os as­so­ci­a­dos. Agra­de­ço a to­dos e que Deus ilu­mi­ne nos­sa ca­mi­nha­da.

Wal­dir Avan­zo
Di­re­tor pre­si­den­te