O fi­lho do pre­si­den­te Jair Bol­so­na­ro (PSL) e se­na­dor elei­to pe­lo Rio de Ja­nei­ro, Flá­vio Bol­so­na­ro (PSL-​RJ), não com­pa­re­ceu ao Mi­nis­té­rio Pú­bli­co do Rio de Ja­nei­ro. Ele era es­pe­ra­do na tar­de des­ta quinta-​feira (10) pa­ra pres­tar es­cla­re­ci­men­tos so­bre a mo­vi­men­ta­ção fi­nan­cei­ra atí­pi­ca de seu ex-​assessor, Fa­brí­cio Quei­roz.

Reprodução/​Instagram/​BBC News Bra­sil


Flavio Bolsonaro disse que não pode "ser responsabilizado por atos de terceiros"

Flá­vio pu­bli­cou uma no­ta em su­as re­des so­ci­ais, afir­man­do que ain­da não te­ve aces­so aos au­tos e que se com­pro­me­te a agen­dar dia e ho­ra pa­ra apre­sen­tar es­cla­re­ci­men­tos. Flá­vio Bol­so­na­ro tem prer­ro­ga­ti­va par­la­men­tar e não era obri­ga­do a com­pa­re­cer pa­ra pres­tar es­cla­re­ci­men­tos.

Po­li­ci­al mi­li­tar da re­ser­va, Fa­brí­cio Quei­roz é ex-​assessor de Flá­vio Bol­so­na­ro e te­ve mo­vi­men­ta­ções fi­nan­cei­ras de R$ 1,2 mi­lhão con­si­de­ra­das atí­pi­cas ras­tre­a­das pe­lo Con­se­lho de Con­tro­le de Ati­vi­da­des Fi­nan­cei­ras (Co­af).

O ex-​assessor ain­da não pres­tou es­cla­re­ci­men­tos ao MP sob a jus­ti­fi­ca­ti­va de pro­ble­mas de saú­de. Ele foi in­ter­na­do no Hos­pi­tal Al­bert Eins­tein, em São Pau­lo, em 30 de de­zem­bro, e te­ve al­ta na terça-​feira (8). O ex-​assessor de Flá­vio Bol­so­na­ro con­tou que pa­gou o hos­pi­tal, um dos mais ca­ros do país, com re­cur­sos pró­pri­os e que fa­rá ses­sões de qui­mi­o­te­ra­pia, que po­de­rão du­rar de três a seis me­ses.

“Após a ex­po­si­ção de mi­nha fa­mí­lia e mi­nha, co­mo se eu fos­se o pi­or ban­di­do do mun­do, fi­quei mui­to mal de saú­de e co­me­cei a eva­cu­ar san­gue. Fui até ao psi­qui­a­tra, pois vo­mi­ta­va mui­to e não con­se­guia dor­mir”, dis­se Quei­roz. “Es­tou mui­to a fim de es­cla­re­cer tu­do is­so. Mas não con­ta­va com es­sa do­en­ça. Nun­ca ima­gi­nei que ti­nha cân­cer”, acres­cen­tou.

O Mi­nis­té­rio Pú­bli­co do Rio de Ja­nei­ro in­for­mou que tem ele­men­tos pa­ra pros­se­guir com as in­ves­ti­ga­ções mes­mo sem ou­vir a fa­mí­lia Quei­roz e pa­ra pe­dir a que­bra dos si­gi­los ban­cá­rio e fis­cal do ex-​policial mi­li­tar.

Fon­te: Con­gres­so em Fo­co

,