Arquivos de Lula

O Tri­bu­nal Re­gi­o­nal Fe­de­ral da 4ª Re­gião (TRF-​4) apon­tou nes­ta sexta-​feira (22) a ad­mis­si­bi­li­da­de de um re­cur­so apre­sen­ta­do ao Su­pe­ri­or Tri­bu­nal de Jus­ti­ça (STJ) pe­la de­fe­sa do ex-​presidente Lu­la con­tra a con­de­na­ção a mais de 12 anos de ca­deia no ca­so do trí­plex do Gua­ru­já (SP). Is­so quer di­zer que a de­man­da de Lu­la con­ti­nua sob aná­li­se no STJ, pa­ra pos­te­ri­or exa­me co­le­gi­a­do. Por ou­tro la­do, o TRF-​4 re­jei­tou pe­di­do de re­cur­so ex­tra­or­di­ná­rio do pe­tis­ta pa­ra que o ca­so fos­se jul­ga­do no Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral (STF). Os ad­vo­ga­dos de Lu­la tam­bém po­dem re­cor­rer des­sa de­ci­são, e já avi­sa­ram que o fa­rão por meio de no­ta as­si­na­da por Cris­ti­a­no Za­nin Mar­tins (ín­te­gra abai­xo).

Agên­cia Bra­sil


Fachin apontou “The Mona Lisa” para suspender análise do caso Lula

Di­an­te da de­ci­são, for­ma­li­za­da pe­la de­sem­bar­ga­do­ra Ma­ria de Fá­ti­ma Frei­tas La­bar­rè­re, o re­la­tor da Ope­ra­ção La­va Ja­to no STF, Ed­son Fa­chin, sus­pen­deu a aná­li­se, que es­ta­va mar­ca­da pa­ra a pró­xi­ma terça-​feira (26), do pe­di­do de efei­to sus­pen­si­vo apre­sen­ta­do por Lu­la con­tra a an­te­ci­pa­ção de exe­cu­ção da sen­ten­ça. O ex-​presidente, que foi pre­so em 7 de abril após sen­ten­ci­a­do em se­gun­da ins­tân­cia, quer re­cor­rer em li­ber­da­de até que se­jam es­go­ta­das to­das as pos­si­bi­li­da­des em ins­tân­ci­as re­cur­sais.
Leia mais

Ar­ro­la­do co­mo tes­te­mu­nha de de­fe­sa do ex-​presidente Lu­la, o tam­bém ex-​presidente Fer­nan­do Hen­ri­que Car­do­so (PSDB) pres­tou de­poi­men­to nes­ta segunda-​feira (11) ao juiz Sér­gio Mo­ro, res­pon­sá­vel pe­la Ope­ra­ção La­va Ja­to em Cu­ri­ti­ba (PR), e fa­lou por cer­ca de meia ho­ra ao ma­gis­tra­do (ve­ja a ín­te­gra abai­xo, em ví­deo). O tu­ca­no fa­lou so­bre re­for­mas de um sí­tio em Ati­baia, in­te­ri­or de São Pau­lo, que te­ri­am si­do fei­tas a tí­tu­lo de pro­pi­na ao pe­tis­ta pa­ra que ele be­ne­fi­ci­as­se em­prei­tei­ras na Pe­tro­bras.

Agên­cia Bra­sil


FHC prestou solidariedade a Lula por ocasião da morte de Dona Marisa Letícia, em fevereiro de 2017

Ao ser per­gun­ta­do so­bre se já te­ve imó­vel re­for­ma­do por em­pre­sas que lhe con­tra­ta­ram pa­ra pa­les­tras, FHC dis­se que is­so ja­mais ocor­reu. Mas, quan­do men­ci­o­nou as re­la­ções en­tre o po­der pre­si­den­ci­al e au­tar­qui­as e es­ta­tais, de­cla­rou que pre­si­den­tes não têm co­mo sa­ber de tu­do o que se pas­sa em sua ges­tão, prin­ci­pal li­nha de de­fe­sa de Lu­la.
Leia mais

O ex-​presidente Luiz Iná­cio Lu­la da Sil­va en­trou com no­vo pe­di­do no Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral (STF) pa­ra que pos­sa re­cor­rer em li­ber­da­de con­tra sua con­de­na­ção na se­gun­da ins­tân­cia por cor­rup­ção e la­va­gem de di­nhei­ro, no ca­so do trí­plex no Gua­ru­já. O mes­mo pe­di­do foi tam­bém pro­to­co­la­do no Su­pe­ri­or Tri­bu­nal de Jus­ti­ça (STJ), de acor­do com a de­fe­sa de Lu­la. En­tre os ar­gu­men­tos uti­li­za­dos pe­la de­fe­sa, es­tá o de que Lu­la é pré-​candidato à Pre­si­dên­cia da Re­pú­bli­ca pe­lo PT, sen­do lí­der em pes­qui­sas de in­ten­ção de vo­to.

Mar­cel­lo Ca­sal Jr/​Agência Bra­sil


Ex-presidente está preso em Curitiba desde 7 de abril. Defesa usa como argumento a liderança de Lula em pesquisas de intenção de voto

“As­sim, além de ver sua li­ber­da­de to­lhi­da in­de­vi­da­men­te, cor­re sé­rio ris­co de ter, da mes­ma for­ma, seus di­rei­tos po­lí­ti­cos cer­ce­a­dos, o que, em vis­ta do pro­ces­so elei­to­ral em cur­so, mostra-​se gra­vís­si­mo e ir­re­ver­sí­vel”, es­cre­ve­ram os ad­vo­ga­dos. As pe­ças são as­si­na­das pe­la equi­pe de oi­to ad­vo­ga­dos do ex-​presidente, en­tre eles o ex-​ministro do STF Se­púl­ve­da Per­ten­ce e Cris­ti­a­no Za­nin Mar­tins, res­pon­sá­vel pe­la mai­o­ria das sus­ten­ta­ções orais em jul­ga­men­tos de Lu­la.
Leia mais

De­pois de di­ver­sas ne­ga­ti­vas ju­di­ci­ais, o ex-​presidente Lu­la con­se­guiu au­to­ri­za­ção ju­di­ci­al pa­ra re­ce­ber a vi­si­ta de dois de seus prin­ci­pais cor­re­li­gi­o­ná­ri­os. Nes­ta quinta-​feira (3), a pre­si­den­te na­ci­o­nal do PT, se­na­do­ra Glei­si Hoff­mann (PR), e o ex-​governador da Bahia, Ja­ques Wag­ner, es­ti­ve­ram na car­ce­ra­gem da Su­pe­rin­ten­dên­cia da Po­lí­cia Fe­de­ral em Cu­ri­ti­ba, on­de des­de 7 de abril o ca­ci­que pe­tis­ta cum­pre pe­na de 12 anos e um mês de pri­são, por im­po­si­ção da Ope­ra­ção La­va Ja­to.

Re­pro­du­ção


Gleisi disse que maior preocupação de Lula é com os rumos do país e que o petista se disse “desconjurado com a economia brasileira”

An­tes des­sa de­ci­são, ape­nas ad­vo­ga­dos lis­ta­dos e fa­mi­li­a­res do ex-​presidente ha­vi­am re­ce­bi­do per­mis­são pa­ra a vi­si­ta. Des­ta vez, a juí­za fe­de­ral Ca­ro­li­na Leb­bos, da 12ª Va­ra de Exe­cu­ções Pe­nais de Cu­ri­ti­ba, apli­cou re­vi­são da re­gra de fun­ci­o­na­men­to da uni­da­de pri­si­o­nal, on­de Lu­la tem di­rei­to a ce­la e ba­nhei­ro pri­va­ti­vos, além de te­le­vi­são aber­ta.
Leia mais

Em des­pa­cho ex­pe­di­do nes­ta quinta-​feira (26), o juiz Sér­gio Mo­ro, da 13ª Va­ra Fe­de­ral de Cu­ri­ti­ba, dis­se que a ação pe­nal em que o ex-​presidente Lu­la é acu­sa­do de re­ce­ber van­ta­gens in­de­vi­das por meio da re­for­ma de um sí­tio em Ati­baia (SP) tem mais pro­vas, além das de­la­ções de exe­cu­ti­vos da Ode­bre­cht. O ca­so per­ma­ne­ce, por ora, em Cu­ri­ti­ba, de­ci­diu o ma­gis­tra­do.

Agên­cia Bra­sil


Para Moro, há “precipitação” de ambas as partes, pois a decisão do STF sequer foi publicada

“Opor­tu­no lem­brar que a pre­sen­te in­ves­ti­ga­ção pe­nal iniciou-​se mui­to an­tes da dis­po­ni­bi­li­za­ção a es­te Juí­zo dos ter­mos de de­poi­men­tos dos exe­cu­ti­vos da Ode­bre­cht em acor­dos de co­la­bo­ra­ção, que ela tem por ba­se ou­tras pro­vas além dos re­fe­ri­dos de­poi­men­tos”, es­cre­veu Mo­ro no des­pa­cho, com o qual ne­gou pe­di­do da de­fe­sa pa­ra que o ca­so fos­se re­me­ti­do à Jus­ti­ça Fe­de­ral em São Pau­lo ou em Bra­sí­lia.
Leia mais

O PT vai aci­o­nar o Con­se­lho Na­ci­o­nal de Jus­ti­ça (CNJ) con­tra a juí­za que proi­biu vi­si­tas da ex-​presidente Dil­ma, da pre­si­den­te do par­ti­do, Glei­si Hoff­mann (PR) e do Prê­mio No­bel da Paz Adol­fo Es­qui­vel, en­tre ou­tros, ao ex-​presidente Lu­la. De acor­do com o se­na­dor Lind­bergh Fa­ri­as (PT-​RJ), que tam­bém foi bar­ra­do pe­la ma­gis­tra­da, a juí­za Ca­ro­li­na Leb­bos, da 12ª Va­ra de Exe­cu­ção Pe­nal de Cu­ri­ti­ba, sub­me­te Lu­la a uma “so­li­tá­ria”.

Lu­la Marques/​AGPT


Juíza de Curitiba negou visita a Lula de aliados e amigos do ex-presidente

Des­de o úl­ti­mo dia 7, quan­do foi pre­so, o ex-​presidente só re­ce­beu vi­si­ta de ad­vo­ga­dos e de uma co­mi­ti­va de se­na­do­res da Co­mis­são de Di­rei­tos Hu­ma­nos.

“É um es­cân­da­lo. Es­tão sub­me­ten­do Lu­la a uma so­li­tá­ria, a um con­fi­na­men­to inad­mis­sí­vel. Nós va­mos ter que pro­cu­rar o CNJ por­que is­so é uma me­di­da au­to­ri­tá­ria, é con­tra a lei de exe­cu­ção pe­nal”, dis­se Lind­bergh pe­las re­des so­ci­ais.
Leia mais

A procuradora-​geral da Re­pú­bli­ca, Ra­quel Dod­ge, vol­tou a de­fen­der em ma­ni­fes­ta­ção ao Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral (STF) a exe­cu­ção da pe­na de pri­são do ex-​presidente Luís Iná­cio Lu­la da Sil­va, que é al­vo de ques­ti­o­na­men­to da de­fe­sa na Cor­te.

Mar­ce­lo Camargo/​Agência Bra­sil


Para a procuradora-geral da República, não há ilegalidade nas conduções

Após Lu­la ser pre­so no úl­ti­mo dia 7, seus ad­vo­ga­dos en­tra­ram com uma re­cla­ma­ção no STF, ale­gan­do que o Tri­bu­nal Re­gi­o­nal Fe­de­ral da 4ª Re­gião (TRF4) er­rou em não aguar­dar o en­cer­ra­men­to do trâ­mi­te na se­gun­da ins­tân­cia an­tes de au­to­ri­zar a exe­cu­ção da pe­na de 12 anos e um mês a qual o ex-​presidente foi con­de­na­do pe­los cri­mes de cor­rup­ção pas­si­va e la­va­gem de di­nhei­ro, no ca­so do tri­plex do Gua­ru­já (SP).
Leia mais

Após uma tar­de in­ten­sa de dis­cus­são so­bre o ha­be­as cor­pus pro­to­co­la­do no Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral (STF) pe­la de­fe­sa do ex-​presidente Lu­la, com in­tui­to de im­pe­dir sua pri­são an­tes de es­go­ta­dos to­dos os re­cur­sos em ins­tân­ci­as su­pe­ri­o­res, os mi­nis­tros da Cor­te re­sol­ve­ram adi­ar a de­ci­são à me­di­da que as dis­cus­sões aden­tra­ram a noi­te. O jul­ga­men­to fi­cou pa­ra a pró­xi­ma ses­são do ple­ná­rio, que ocor­re­rá após a pás­coa, no dia 4 de abril. Ape­sar de ter sus­pen­di­do o jul­ga­men­to, os mi­nis­tros aten­de­ram pe­di­do da de­fe­sa do pe­tis­ta e de­ter­mi­na­ram que Lu­la não se­ja pre­so até que o tri­bu­nal re­to­me o ca­so.

Ri­car­do Stuckert/​Instituto Lu­la


Na próxima segunda, TRF-4 julgará embargo de declaração apresentado pela defesa de Lula contra sua condenação

Na pró­xi­ma segunda-​feira (26), o Tri­bu­nal Re­gi­o­nal Fe­de­ral da 4ª Re­gião (TRF-​4) jul­ga­rá o úl­ti­mo re­cur­so con­tra a con­de­na­ção do pe­tis­ta na se­gun­da ins­tân­cia. Na te­o­ria, a par­tir de en­tão Lu­la po­de­ria ser pre­so. Com a de­ci­são de sus­pen­der o jul­ga­men­to, a de­fe­sa de Lu­la ex­pli­cou que ele sai­ria pre­ju­di­ca­do com a si­tu­a­ção. Foi en­tão que os mi­nis­tros vo­ta­ram, por mai­o­ria, pe­la de­ter­mi­na­ção de que o pe­tis­ta não se­ja pre­so an­tes da re­to­ma­da do jul­ga­men­to.
Leia mais

Com ba­se em en­ten­di­men­to do Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral (STF) so­bre exe­cu­ção da pe­na já na se­gun­da ins­tân­cia, a Quin­ta Tur­ma do Su­pe­ri­or Tri­bu­nal de Jus­ti­ça (STJ) ne­gou, por una­ni­mi­da­de, nes­ta terça-​feira (6), o pe­di­do de ha­be­as cor­pus pre­ven­ti­vo apre­sen­ta­do por ad­vo­ga­dos do ex-​presidente Lu­la (PT), con­de­na­do em ja­nei­ro pe­lo Tri­bu­nal Re­gi­o­nal Fe­de­ral da 4ª Re­gião (TRF-​4) a 12 anos e um mês de pri­são, na ação pe­nal en­vol­ven­do as ne­go­ci­a­ções de um trí­plex no Gua­ru­já (SP). Pe­la de­ci­são do TRF-​4, a pri­são do pe­tis­ta de­ve ocor­rer lo­go após a apre­ci­a­ção do re­cur­so apre­sen­ta­do por Lu­la no tri­bu­nal de se­gun­da ins­tân­cia (No ví­deo abai­xo, ve­ja o jul­ga­men­to na ín­te­gra).

Ri­car­do Stuckert/​Instituto Lu­la


Pela decisão da Corte, Lula deve cumprir pena após decisão do TRF-4 sobre recurso apresentado pela defesa do petista

Se­gun­do a le­gis­la­ção vi­gen­te, Lu­la tem di­rei­to a es­pe­rar em li­ber­da­de a de­ci­são so­bre o re­cur­so cha­ma­do em­bar­gos de de­cla­ra­ção pro­to­co­la­do por seus ad­vo­ga­dos no pró­prio TRF-​4. O re­cur­so con­tes­ta a con­de­na­ção da Cor­te e é o úl­ti­mo re­cur­so pos­sí­vel nes­te tri­bu­nal. Em ca­so de no­va der­ro­ta no tri­bu­nal de se­gun­da ins­tân­cia, o ex-​presidente po­de­rá ajui­zar no­vo pe­di­do de ha­be­as cor­pus no STJ, bem co­mo ou­tro re­cur­so ju­di­ci­al no STF, que po­de­rá re­to­mar a aná­li­se e, no que fa­vo­re­ce­ria Lu­la, re­ver­ter o pró­prio en­ten­di­men­to quan­to a con­de­na­ção após de­ci­são em se­gun­da ins­tân­cia. No en­tan­to, ape­sar do di­rei­to de re­cor­rer às ins­tân­ci­as su­pe­ri­o­res, o pe­tis­ta cor­re o ris­co de ser pre­so após aná­li­se do re­cur­so pe­lo TRF-​4.
Leia mais

Por meio da Pro­cu­ra­do­ria Re­gi­o­nal da Re­pú­bli­ca da 4ª Re­gião, o Mi­nis­té­rio Pú­bli­co Fe­de­ral apre­sen­tou, nes­ta segunda-​feira (5), ma­ni­fes­ta­ção con­tra re­cur­so apre­sen­ta­do pe­la de­fe­sa do ex-​presidente Lu­la à con­de­na­ção no ca­so do trí­plex do Gua­ru­já, li­to­ral de São Pau­lo. Sem po­der de al­te­ra­ção da sen­ten­ça, o pe­tis­ta ajui­zou em­bar­gos de­cla­ra­tó­ri­os, úl­ti­mo re­cur­so con­tra a con­de­na­ção pe­lo Tri­bu­nal Re­gi­o­nal Fe­de­ral da 4ª Re­gião (TRF-​4), em Por­to Ale­gre, após ter pe­na au­men­ta­da pa­ra 12 anos e um mês por três de­sem­bar­ga­do­res do Tri­bu­nal.

Fer­nan­do Frazão/​Agência Bra­sil


Procurador Maurício Gerum pede correção em termos do acórdão e se manifesta a favor do cumprimento imediato da sentença de Lula

Na re­co­men­da­ção ao Ju­di­ciá­rio, o pro­cu­ra­dor Mau­rí­cio Ge­rum faz crí­ti­cas à de­fe­sa e pe­de que o TRF-​4 re­jei­te o re­cur­so de Lu­la e de­ter­mi­ne o iní­cio ime­di­a­to do cum­pri­men­to da pe­na de pri­são. A ex­pec­ta­ti­va é de que o re­cur­so se­ja jul­ga­do até o fim de abril.
Leia mais